Se você quer prosperar em 2020, precisa se adaptar.

 

Embora a mídia social continue a desempenhar um grande papel na vida das pessoas, tanto no sentido pessoal quanto profissional, também existe uma crescente cautela de que os profissionais de marketing precisam estar cientes.

Por exemplo, um estudo do Pew Research Center de 2018 descobriu que as mídias sociais ultrapassaram os jornais impressos como uma fonte de notícias mais popular; no entanto, um estudo da Pew de 2019 revelou que 62% dos adultos norte-americanos pensam que as empresas de mídia social têm muito controle sobre as notícias que os usuários veem.

As redes sociais parecem preparadas tanto para o engajamento ativo quanto para o escrutínio ativo, e as empresas de mídia social podem mudar rapidamente a maneira como operam como resultado. Por exemplo, o Twitter anunciou recentemente que deixaria de permitir publicidade política, e redes como o Instagram estão tentando ocultar o número de curtidas em postagens, em um esforço para reverter os efeitos negativos à saúde mental associados às comparações de mídias sociais.

As principais redes de mídia social são empresas de capital aberto que existem para expandir seus próprios negócios, não os seus. Eles são os que controlam como as plataformas funcionam, e seus esforços para obter sucesso por meio deles, como criar seus seguidores para alcançar um público orgânico, podem ser essencialmente irrelevantes da noite para o dia.

Portanto, se você quiser ter sucesso nesse cenário de mídia social em evolução, precisará começar a colocar mais dados e decisões de marketing em suas próprias mãos, em vez de ceder o controle às redes de mídia social. As mídias sociais continuarão a ser cruciais para os profissionais de marketing em 2020 e além, mas, para ter sucesso nesta nova era, você precisará usar as mídias sociais mais como uma maneira de colocar seu pé na porta, em vez de torná-lo seu única canal de marketing.

Você pode executar as seguintes etapas para dominar o marketing de mídia social em 2020:

 

  1. Geração de leads através da coleta de dados

 

Embora no passado sua marca tenha valorizado métricas como seguidores e curtidas, está ficando cada vez mais claro que essas medidas tendem a não ter muito peso. O mais importante é a sua capacidade de gerar leads de qualidade para que você possa comercializá-los diretamente, em vez de depender totalmente das redes de mídia social, especialmente quando as curtidas não se traduzem em vendas. Como tal, você deve usar as mídias sociais como fonte de alimentação para capturar dados como endereços de e-mail e números de telefone.

Uma ótima maneira de fazer isso é direcionar os usuários de mídia social para uma página de destino no seu site, onde os visitantes podem optar por receber algo de valor, como um e-book, em troca de suas informações de contato. A partir daí, você pode usar esses dados em seus próprios termos, independentemente de optar por redirecionar por meio de anúncios do Facebook, incorporar novos contatos ao seu e-mail, etc.

 

  1. Mensagens privadas no WhatsApp e Slack

 

Pode ser difícil se destacar em meio a todo o barulho nas mídias sociais, e é por isso que o marketing de mídia social em 2020 deve incluir maneiras de vincular seus esforços de mídia social a outros métodos de marketing. Na mesma linha de coleta de dados e envolvimento no marketing de mensagens de texto, você também pode usar as principais redes de mídia social como fonte de alimentação para criar grupos privados em plataformas de mensagens como WhatsApp e Slack.

Concentre-se nos seus seguidores mais engajados ou conectados, que você pode identificar por meio de uma plataforma de escuta social como o Sprinklr, e convide-os a participar de um grupo privado no WhatsApp ou Slack. A partir daí, você pode ignorar o barulho nas principais redes de mídia social e se envolver diretamente com seus super fãs, como compartilhar notícias com eles ou solicitar opiniões sobre novos produtos ou serviços que você planeja oferecer. A partir daí, esses fãs envolvidos podem espalhar a palavra sobre sua marca organicamente através dos canais tradicionais de mídia social.

 

  1. Reúna informações ou configure feeds de escuta no Twitter

 

Outra maneira de prosperar nesse cenário de mídia social em evolução é usar as redes sociais mais como mecanismos de pesquisa, em vez de apenas megafones para gritar sua mensagem de marca. O Twitter, em particular, destaca-se como um mecanismo de pesquisa em tempo real, onde você pode encontrar pessoas que estão falando sobre sua marca ou setor ou até encontrar leads diretos.

Agentes imobiliários, por exemplo, podem configurar feeds do Twitter para pesquisas como “procurando comprar uma casa em São Paulo” ou “se mudar para o Rio de Janeiro, e, em seguida, entrar em contato com esses clientes em potencial.

 

Essas dicas podem funcionar como estratégias independentes ou em combinação para criar uma estratégia de marketing mais abrangente, tanto na mídia social quanto fora dela. As mídias sociais não desaparecerão de forma alguma, mas as regras do jogo estão mudando e, se você quiser prosperar em 2020, precisará se adaptar.

 

Imagem cortesia: Pixabay