Para setores como serviços financeiros ou vendas online, pode ser difícil superar a cautela dos clientes. 

 

Como os outros percebem sua marca é importante. 

Por que as empresas gastam tanto dinheiro em marketing de sua marca e desenvolvendo campanhas de marketing de conteúdo? Embora tais ações possam influenciar bastante as percepções dos clientes, não há como negar que algumas empresas têm uma batalha mais difícil. 

Embora uma persona de marca forte seja útil, a confiança pode ser uma medida ainda mais poderosa para convencer outras pessoas a fazer negócios com você. De fato, de acordo com uma pesquisa, 35% dos consumidores classificam a confiança como um dos seus principais fatores na seleção de marcas. 

Certas indústrias sempre se esforçaram para ganhar a confiança de seus consumidores. Provedores de serviços financeiros, empresas de timeshare e outros geralmente têm percepções de confiança abaixo da média. 

Embora essas indústrias tenham lutado muito para conquistar a confiança de seus clientes em potencial, o fato é que a confiança do consumidor está caindo em praticamente todos os nichos, afetando as grandes corporações e os pequenos negócios. 

Como você pode reverter essa tendência? Aqui estão algumas maneiras de criar confiança para sua empresa de “baixa confiança”: 

 

  1. Fornecer transparência real.

Muitas vezes, “transparência” parece se resumir a empurrar uma grande parede de texto para os consumidores para cobrir suas bases – como os acordos de usuários que você não lê na realidade antes de instalar uma atualização de software. Esses textos com jargão técnico realmente não incutem confiança no cliente. 

Procure oferecer uma abordagem alternativa, que não usa jargões com formas realmente indiretas de descrever o que você quer ou ter ou com textos que sobrecarregam o cliente com explicações inúteis. Seja honesto sobre os termos que usa e também eduque o cliente sobre esses termos de uma maneira simples. 

 

  1. Melhore a segurança digital.

À medida que mais e mais transações são realizadas online, os consumidores estão compreensivelmente cautelosos sobre como suas informações podem ser usadas. Se você tem um site que processa informações de clientes, é necessário tomar medidas para garantir aos usuários que seu site é seguro. 

Mudar para HTTPS, proteger as suas próprias informações de login e atualizar continuamente suas configurações de segurança, ajudará muito a proteger seu site (e informações de clientes) contra hackers. 

Tenha em mente, no entanto, que esse não é o único problema de segurança com o qual os clientes estão preocupados. Muitos temem que suas informações de contato sejam compartilhadas com outros fornecedores. Se você coletar endereços de e-mail ou números de telefone de seus clientes, uma declaração por escrito de que você não venderá suas informações pode ser crucial para aumentar a confiança. 

 

  1. Mostre a prova.

A listagem de atributos amigáveis ao cliente em seu site é um começo, mas os clientes querem saber que você realmente respalda suas promessas. Uma coisa é dizer que você tem uma garantia de satisfação; outra coisa é mostrar como isso funciona em suas ofertas de serviço. 

Isso começa com a apresentação do site. Coloque uma grande ênfase nas revisões dos clientes em seu site e tenha um FAQ detalhado para tratar de preocupações comuns. Essas coisas mostram o que você quer realmente dizer quando oferece uma garantia de devolução de dinheiro e um serviço orientado ao cliente. 

 

  1. Compartilhar conhecimento útil.

O “marketing de conteúdo” é um termo popular no mundo digital atualmente, mas poucas empresas realmente o utilizam para seu pleno potencial de conquista de confiança. Com muita frequência, o marketing de conteúdo serve como pouco mais que um argumento de produto alternativo – algo que pode ser útil a curto prazo, mas não necessariamente criará confiança ou finalizará uma venda. 

Em vez disso, concentre seus esforços de marketing de conteúdo em educar seus clientes. À medida que você fornece um valor real e tangível para seu público-alvo, sem tentar fazer um discurso de vendas, eles terão mais confiança em seus serviços e estarão mais propensos a comprar de você. 

 

  1. Deixe o “boca a boca” fazer seu trabalho.

A maioria dos consumidores não confia na publicidade tradicional, mas ficará feliz em ouvir uma recomendação de um amigo. Quando um amigo não está disponível, a grande maioria dos consumidores confia em avaliações online – embora muitos reconheçam que existem avaliações falsas. 

Ao invés de tentar usar uma campanha de marketing agressiva para destacar sua confiabilidade, tente encontrar maneiras de se envolver em uma abordagem mais boca a boca. 

Em última análise, no entanto, isso começa fornecendo o melhor serviço possível. Dessa forma, seus clientes atuais estarão mais propensos a fornecer referências ou deixar uma avaliação positiva. 

 

A tendência geral de declínio da confiança do cliente provavelmente não será revertida em breve – especialmente quando os estudos descobrirem que a grande maioria do público mais jovem não confia em publicidade alguma. Mas isso não significa que toda a esperança esteja perdida. Ao tomar ações significativas para criar confiança e transparência, você pode superar esses obstáculos e construir uma base de clientes fiéis. 

 

Imagem cortesia: Pixabay