O dia em que você esquecer porque começou o dia em que você está acabado

 

Empreendedores fazem um número impressionante de decisões diariamente. Eles se deparam com a escolha de quais oportunidades seguir em frente e devem resolver problemas grandes e pequenos.

Ao configurar um quadro de perguntas para se fazer diariamente, você se dará alguns marcadores para ajudar a guiá-lo nessas situações difíceis. Saber onde você está sobre essas questões irá capacitá-lo a fazer boas escolhas que o levarão ao resultado desejado. Isso lhe dará uma compreensão mais profunda de suas motivações e sentimentos sobre o seu negócio, e pode ajudá-lo a esclarecer os planos futuros.

Aqui estão cinco perguntas que todos os empreendedores devem se fazer diariamente para garantir que estejam constantemente seguindo em direção aos seus objetivos e tomando as melhores decisões para si e para seus negócios. Faça a si mesmo estas perguntas com uma mente honesta e aberta, e veja onde elas te levam.

 

  1. Por que você está fazendo isso?

O que torna essa pequena pergunta tão poderosa é que ela força você a examinar seus desejos e impulsos e ajuda a mapear como essas motivações mudam com o tempo. Isso força você a ver as coisas de uma perspectiva diferente. Fazer a si mesmo essa pergunta todos os dias reafirma suas ambições e a mentalidade por trás do porque você está fazendo o que está fazendo. Se você não sabe porque, você está com problemas!

Fazer esta pergunta abre a porta para uma infinidade de outras perguntas que lhe darão o que pensar. Qual é o motivo para lançar o seu negócio? Por que você é apaixonado por fazer isso? Você é a pessoa certa para administrar esse negócio? Essas respostas podem mudar com o tempo. A princípio, pode parecer difícil fixar o “porquê” por trás de suas motivações. Talvez existam interesses concorrentes que estão te levando adiante. Mas quando você realmente pensa sobre isso e detalha essa questão, provavelmente há uma resposta simples. Apenas certifique-se de estar sendo sincero consigo mesmo.

Por que você faz algo também dá origem à pergunta: o que você espera alcançar? Você precisa saber como é seu jogo final e o que o sucesso significa para você. É sobre atingir um certo nível de riqueza? É sobre ser o melhor em seu mercado? É sobre ganhar respeito? Você está tentando atingir o mundo todo (ou pelo menos um nicho de mercado), ou você está simplesmente esperando ganhar a vida fazendo algo que você ama?

Comece o dia fazendo a si mesmo essa pergunta e veja onde sua resposta leva você. Ao passar alguns minutos refletindo sobre isso, você ganhará clareza que o ajudará a seguir sua carreira na direção que deseja seguir.

 

  1. Qual é o objetivo da sua empresa?

Veja se você pode responder a esta pergunta em uma única frase. Um bom lugar para começar é com a sua declaração de missão: quais são os objetivos e valores de sua empresa ou organização? Isso deve ser claro e conciso – deve chegar ao cerne do que é o seu negócio.

O objetivo da sua empresa é o alicerce sobre o qual tudo é construído. Ele deve ter flexibilidade suficiente para crescer e permitir mudanças, mas seja específico o suficiente para ser significativo e relevante. Por fim, essa pergunta deve ajudar você a entender o que realmente está fazendo.

Esta questão deve estar na vanguarda da sua mente ao tomar decisões importantes. Pergunte a si mesmo se esse novo empreendimento ou ideia reforçaria ou logicamente contribuiria para o objetivo geral de sua empresa. Você está permanecendo fiel ao seu objetivo?

Isso não quer dizer que sua finalidade não possa mudar com o tempo. No entanto, se isso acontecer, a alteração deve ser intencional e executada com cuidado. Pensar nisso ajudará você a identificar suas metas de negócios de longo prazo e poderá levar a perguntas maiores, como: o que você quer que sua empresa signifique para seus clientes, qual é o lugar da sua empresa no mundo e qual é o seu mercado ideal?

 

  1. Onde está o seu negócio agora?

O objetivo dessa pergunta é fazer uma avaliação analítica e emocional do seu negócio. Esta é uma chance para você dar uma olhada em onde sua empresa está. Está no caminho certo? O que parece errado? O que está dando certo e como isso pode ser reproduzido em toda a sua empresa?

Também é importante reconhecer suas emoções e ter consciência de como você está se sentindo em relação ao seu negócio. O que o seu instinto está dizendo? Você está se sentindo ansioso ou animado com o negócio? Se você está tendo emoções negativas ou positivas, é importante reconhecer o que está sentindo e porque está se sentindo assim.

Isso lhe dará a chance de entender melhor seu estado mental e como isso pode estar influenciando sua tomada de decisão. Isso também ajuda entender o tipo de vibração que você está transmitindo. Você está se sentindo bem e equilibrado? Ou você está se sentindo mal e for da lugar?

Estar em sintonia com suas emoções e ter uma visão clara do que está acontecendo com sua empresa garantirá que você esteja em equilíbrio. Isso ajudará você a evitar reações exageradas ou subestimar situações do dia a dia.

 

 

  1. Que lições você está aprendendo?

Todo empreendedor enfrenta uma batalha difícil para alcançar o sucesso. Todos os dias você deve estar aprendendo e crescendo, e a melhor maneira de fazer isso é através de uma grande reflexão sobre as lições que se apresentam a cada dia.

Pergunte a si mesmo se você está aprendendo com seus erros. O fracasso faz parte da jornada de todo empreendedor. A questão é: seus erros permitirão que você aprenda e cresça? Se não, você está sujeito a cair nas mesmas armadilhas e erros. Por outro lado, você está aprendendo quando saltar em uma oportunidade e quando deixá-la passar? Essa é a última lição que todo empreendedor está tentando aprender e nunca é fácil.

Da próxima vez que você estiver pesando se deve ou não arriscar, tente se perguntar: “Quando eu tiver 80 anos, vou sentir pena de não ter feito isso?” No quadro geral, muitas vezes é o que deixamos de fazer que vemos como nossos maiores erros na vida.

 

  1. O que vem a seguir?

Se você perguntar a si mesmo uma pergunta todos os dias, deveria ser essa. Como empreendedor, você sempre precisa antecipar o que vem a seguir. Você precisa antecipar o que está acontecendo e formular um plano para implementá-lo. Esta é a pergunta que obriga você a olhar de cima a partir dessa pilha de trabalho em sua mesa e pensar sobre a visão geral e os próximos passos para o seu negócio.

Quais estratégias você precisará para continuar impulsionando seus negócios para o futuro? Quais tendências ou mudanças de interesses estão surgindo e que podem afetar seus negócios? Como a nova tecnologia impactará a maneira como você gerencia a empresa?

A ruptura acontecerá em todos os mercados, porque a mudança é inevitável. As empresas que sobrevivem vêem essa onda chegando e começam a fazer ajustes no início. Então, de certo modo, a mudança é previsível porque sempre virá. A inovação e a engenhosidade sempre serão a chave do sucesso – e aqueles que aproveitam as oportunidades estarão no topo da próxima onda.

Então, quando você se pergunta “O que vem a seguir?”, certifique-se de tirar a venda e ver as coisas com uma mente curiosa e aberta. Certifique-se de que você esteja aberto a novas ideias e adotando soluções criativas. Continue procurando o fator “uau”.

 

Imagem cortesia: Pixabay