Como comercializar seus produtos de informação

 

De muitas maneiras, não importa o quão longe chegamos quando se trata de tecnologia e venda on-line… os mesmos princípios de marketing e psicologia do consumidor ainda são verdadeiros; e esse é, definitivamente o caso com seu empreendimento online.

O nome do jogo aqui é marketing de resposta direta. Se estivéssemos falando de uma empresa de estrutura prioritariamente física, utilizaríamos de folhetos, panfletos, cartas, mala-direta, e toda a sorte de outros materiais impressos que poderiam ser utilizados. No caso de uma empresa prioritariamente virtual, como uma compartilhadora de conteúdo online, este compartilhamento de informações ocorre principalmente por e-mail. Sim, o chamado “lixo eletrônico”. Pense bem, as empresas não os enviariam para milhões de usuários de redes virtuais se não funcionasse. Atualmente, esse tipo de conteúdo é enviado eletronicamente. E ainda funciona como um encanto para que os clientes abram suas carteiras.

A boa notícia é que você não precisa gastar uma tonelada de dinheiro quando se envolve no marketing de resposta direta on-line. O marketing por e-mail é um método praticamente livre para vender seus produtos. E essa será a base de seus esforços de marketing.

A ideia básica é criar uma lista de assinantes de e-mail. Você deve enviar ambos os conteúdos, tanto os úteis para os clientes, como os itens de divulgação. Assim, compartilhando informações valiosas e gratuitas relacionadas ao seu produto / nicho, bem como ofertas para comprar produtos. Enviar-lhes o conteúdo gratuito acelerará o processo deles conhecerem, gostarem e confiarem em você o suficiente para comprar seus produtos. A novidade de comprar coisas on-line desapareceu anos atrás e agora as pessoas têm muito a escolher – você deve dar-lhes uma sensação do seu produto ser algo exclusivo, quente, como se fosse uma oportunidade única para compra.

Sim, apenas uma pequena porcentagem de pessoas realmente responderá. Mas é assim que funciona com itens em mala direta. Você deve ter a perspectiva suficientemente positiva de que sua informação chegou realmente ao seu destinatário, mesmo que apenas uma pequena porcentagem de visualizações se converterá em lucro.

Para criar uma lista de e-mail, você pode empregar uma variedade de métodos.

  • Search Engine Optimization (SEO): Em poucas palavras, você usa o conteúdo valioso em seu site ou blog para chamar a atenção do Google e obter uma lista alta nos resultados da pesquisa.
  • Anúncios pagos: se você usa os anúncios de publicidade ou anúncios pagos por assinatura do Google, ou exibe anúncios em uma rede de blogs. Esta pode ser uma opção viável, embora cara.
  • Mídia social: redes como o Facebook são inestimáveis para atingir uma base de clientes direcionada nos dias de hoje.

 

Então, como você levará sua empresa para o próximo nível? Você deve aproveitar essa pequena quantidade de pessoas que compram seu produto introdutório, também conhecido como um produto de front-end. Você entre em contato com essas pessoas de forma diferente do que seus assinantes normais.

Já que eles compraram algo, eles estão mais propensos a comprarem produtos similares. Então, você oferece produtos mais detalhados e de preços mais altos, conhecidos como “produtos top de linha”. É aí que o dinheiro é grande. Um produto top de linha pode ser um treinamento individual ou um evento, por exemplo.

Como você pode ver, produtos de informação podem parecer perfeitos para um negócio online. Eles são digitais, fáceis de criar e entregar. E as margens de lucro são enormes.

Então, os próximos passos a tomar são…

 

  • Encontre seu nicho – certifique-se de que ele possui o potencial mais vendido.
  • Descobrir qual formato funciona melhor para o seu nicho: áudio, vídeo, ebook, etc.
  • Crie seu(s) produto(s) de informação.
  • Crie uma lista de e-mail e depois comercialize essa lista.
  • Lucro!

 

Em uma nota final, outra maneira simples de ganhar dinheiro online é vender produtos de informação digital como afiliado.

 

Imagem cortesia: Pixabay