Quando se conversa com proprietários de pequenas empresas, uma das maiores preocupações descritas é que a tecnologia parece avançar a passos absurdamente rápidos, e que se torna difícil acompanhar as atualizações. O que é importante de lembrar é que grande parte dessa tecnologia avançada está sendo descoberta e produzida pelos fornecedores de produtos que usamos. Nós, em pequenas empresas, não precisamos criar algoritmos de aprendizagem em máquinas. Nem temos que nos tornar experientes em como os dispositivos produzidos utilizando o princípio de “Internet das coisas” conectados são feitos ou geridos.

Em vez disso, como empresários, precisamos encontrar excelentes dispositivos e aplicativos de grandes fornecedores que nos apoiem bem.

Comece por estar ciente do que está lá fora, para que possamos fazer as melhores escolhas das tecnologias mais avançadas para atender às nossas necessidades.

Substitua o medo pelo desejo: o que queremos que a tecnologia alcance em nossos negócios?

Não presuma que você sabe o que um software ou hardware pode fazer, só porque isso é tradicionalmente feito. Em vez disso, investigue o que as empresas têm para oferecer e adote novas tecnologias. Você pode ficar incrivelmente surpreso com o que um dispositivo ou aplicativo simples pode fazer hoje.

 

Confiabilidade e ótimo serviço são mais importantes do que nunca

 

Aqui está o que procurar na tecnologia “futura” de hoje:

O produto é fácil de configurar? Isso é fácil de usar? É intuitivo?

E sobre integrações e interoperabilidade? Esta nova tecnologia funciona bem com outras que você usa? Esta integração será benéfica ou mais trará desconforto e novas etapas em processos simples.

E quanto ao suporte? A maioria dos sites e dispositivos oferece arquivos de ajuda on-line e suporte por e-mail. Tudo bem, na medida do possível. Mas e quando você está com pressa? Ou você tentou descobrir a solução nas páginas de Ajuda, mas não conseguiu sucesso até o presente momento? É em situações como estas que o suporte ao vivo, feito por pessoas reais pelo telefone, é o que você precisa. E às vezes, com produtos de hardware, você pode precisar de um serviço rápido no hardware.

Por isto, em muitos casos, ter uma tecnologia de ponta pode ser parte importante do processo de automação do seu negócio, mas não a parte principal, já que em muitas situações, o fator humano é o grande diferencial na resolução de problemas, não o software de ponta ou o boot de respostas automatizadas.

 

Mas tudo é negativo?

 

O que se percebe é que os dispositivos com tecnologias integradas, ou vinculados a internet proporcionam a possibilidade de reduzir processos ou automatizar funções repetitivas. Por exemplo, se é necessário repetir um mesmo comando inúmeras vezes em um computador, um código macro pode ser muito mais útil a você do que solicitar que um colaborador repita o comando inúmeras vezes. O mesmo vale para algumas formas de atendimento ao cliente, na resolução de problemas simples do consumidor.

À medida que a tecnologia continua a evoluir à luz da luz e fica mais inteligente, sua empresa tem potencial para se tornar mais eficiente e se mover com mais velocidade para capturar oportunidades. E com tecnologia, seus colaboradores podem ser liberados para fazer tarefas de nível superior que adicionam ainda mais valor ao seu negócio.

 

Imagem cortesia: Pixabay