Usando esses truques de marketing, há luz no final do funil.

 

Seja você um empreendedor iniciante em comércio eletrônico ou um veterano no mercado, é uma boa ideia definir continuamente novas e mais altas metas de vendas. Maiores vendas se traduzem em maiores benefícios para sua empresa.

Mas as regras de como aumentar as vendas não são necessariamente de tamanho único. Existem inúmeras variáveis a serem consideradas, como oferta de produtos, base e demografia de clientes existente.

Também é natural que as empresas passem por altos e baixos, o que exige que os empreendedores estejam de olho no comércio eletrônico e nas tendências de compras e se ajustem de acordo. Afinal, métodos testados e comprovados podem ter funcionado no passado, mas, eventualmente, as mesmas estratégias antigas podem perder o contato com o mundo atual.

Os hábitos do consumidor tendem a mudar rapidamente, especialmente no que diz respeito ao comércio eletrônico. Aqui estão quatro truques de marketing que podem ajudá-lo a gerar uma nova onda de vendas e receita.

 

Prove que seu site é confiável.

 

As preocupações com a segurança cibernética aumentaram exponencialmente nos últimos anos, o que torna mais importante do que nunca para os empresários de comércio eletrônico tornarem seus sites seguros e até exibirem emblemas refletindo seus relacionamentos com fornecedores de segurança (como Norton Secured, Google Trusted Store, Verisign, etc.).

 

Pense primeiro no celular e utilize o vídeo.

 

Os clientes não estão se limitando a fazer compras a partir de seus computadores; em vez disso, usam cada vez mais celulares e tablets para fazer compras online.

Este é especialmente o caso dos millennials. E é também por isso que as demonstrações em vídeo são ótimas ferramentas de comércio eletrônico: elas não apenas incentivam os consumidores a permanecer no site por mais tempo, como também aumentam o engajamento, independentemente do tipo de dispositivo de compra.

Com o vídeo, você pode mostrar como um produto funciona, e isso é especialmente útil para produtos novos ou exclusivos.

 

Crie um senso de urgência.

 

A Amazon.com dominou muitos truques, e a capacidade de criar um senso de urgência em suas listagens é um deles. Os comerciantes na Amazon sabem que, se você inserir um inventário com menos de 20 itens, a página do produto mostrará aos clientes em potencial o número de itens restantes, o que pode levar alguém a fazer a compra rapidamente antes que perca. Os estoques geralmente são mantidos artificialmente baixos para aproveitar esse truque.

Outro truque que cria um senso de urgência é oferecer prazos com um contador regressivo para atrair potenciais compradores que possam estar em cima do muro. Quando se trata de tempo, também é útil informar às pessoas que, se finalizarem um pedido em um determinado horário, elas o receberão antes do fim de semana.

 

Enviar lembretes de carrinho abandonado.

 

Dependendo da sua base de clientes, você deseja prosseguir com cautela com este item, mas pode ser extremamente benéfico enviar e-mails a clientes que abandonaram seus carrinhos antes de finalizar uma compra.

Eles serão lembrados do produto que estavam considerando (inclua uma foto) e você pode até incluir códigos de desconto ou outros incentivos para comprá-lo naquele dia.

 

Imagem cortesia: Pixabay