Você supõe que seus gerentes estão treinando seus funcionários? Infelizmente, isso pode não estar acontecendo. 

 

Não é comum no meio empresarial ainda encontrar gerentes que não têm ideia de como treinar seus funcionários de forma eficaz. Isso não é culpa deles – eles foram promovidos porque eram bons em suas funções anteriores. Mas quando eles foram promovidos a um papel de liderança, ninguém lhes ensinou como liderar. 

As organizações apenas esperam que eles saibam como treinar, comunicar, aconselhar e corrigir o desempenho de sua equipe. O problema, infelizmente, é que eles não sabem como. Um estudo recente descobriu que 93% dos gerentes pesquisados precisavam de treinamento sobre como orientar os funcionários que se reportavam a eles. 

Esse resultado deve ser um alerta para todas as empresas do mundo – um alarme. As empresas devem ficar muito preocupadas, porque é muito provável que elas tenham gerentes que não estejam treinando bem. 

Então, o que nós podemos fazer sobre isso? O que você pode fazer? Aqui estão algumas sugestões: 

 

Pergunte. 

Como líder, tente falar com o máximo possível de pessoas da linha de frente e determinar se elas estão sendo treinadas. Almoce com os funcionários. Fale com os líderes e veja se eles estão treinando. Quantas vezes isso está acontecendo? Como está funcionando? Eles precisam de algum recurso adicional? Quais são os maiores desafios que enfrentam ao treinar pessoas? 

Perguntar é uma forma de prestação de contas. Se os líderes estão perguntando sobre o treinamento e desenvolvimento da equipe, isso indica sua importância.  

 

Definir expectativas. 

Como organização, deve haver uma expectativa de que todos os funcionários tenham desenvolvimento, que todos recebam treinamento de seus gerentes. 

Deve ser um requisito, sem exceções. Esta deve ser uma parte central de sua cultura e ser intrínseca em seus valores. Se você tem expectativas em sua empresa, essas expectativas devem ser vinculadas à sua marca. 

 

Fornecer treinamento. 

Você não jogaria alguém que não pudesse nadar em uma piscina e diria “Vá em frente e nade”. Isso seria ridículo; a pessoa na piscina estaria fadada ao fracasso. No entanto, dizemos aos gerentes todos os dias para treinar sem treiná-los sobre como fazer isso de maneira eficaz. 

Muitas pessoas nunca aprenderam habilidades ou técnicas de coaching. Porque eles não sabem como, eles podem ser relutantes em ter conversas sobre o assunto. É por isso que é sua responsabilidade ensinar aos líderes essas habilidades fornecendo treinamento em coaching. Isso pode ser implementado como um programa de sala de aula formal no local ou externo, um curso on-line ou um aconselhamento individual por um líder com experiência em coaching. 

 

Modele-os. 

Se você espera que as pessoas treinem e sejam treinadas, você precisa modelar a si mesmo, todos os dias. Você precisa estar treinando ativamente todos os seus subordinados diretos. Você precisa ter alguém treinando você e então você precisa falar sobre isso – para mostrar como você está disposto a crescer e melhorar. 

Peça aos seus gerentes para fazer o mesmo. Sua filosofia número um para liderança deve ser sempre liderança pelo exemplo. Se você não estiver disposto a fazer isso, como pode mostrar aos outros como fazê-lo? O maior ativo que você tem em sua organização é o potencial subdesenvolvido de seu pessoal – e cabe a você instiga-los e oferecer o necessário para o seu crescimento. 

 

Não importa quão bom você pense que é como um líder, as pessoas ao seu redor terão todos os tipos de ideias de como você pode melhorar. Então, a coisa mais fundamental sobre a liderança é ter a humildade de continuar recebendo feedback e tentar melhorar – porque seu trabalho é tentar ajudar todos os outros a melhorarem. 

 

imagem cortesia: Pixabay